domingo, 25 de outubro de 2015

Bolo de chocolate à antiga para domingos preguiçosos

 Um dia da semana passada numa tarde de conversa descontraída com a minha mãe, ela confessou que lhe apetecia um bolo à antiga, daqueles fofos e altos de que se come uma fatia ainda morna, a desmoronar-se pela textura, feitos sem a sofisticação dos tempos actuais. A seguir passámos pela memória os nossos bolos passados. Ela lembrou com carinho um bolo de iogurte que eu costumava fazer, não me lembro dele, e eu recordei todos os bolos enrolados que fazia também a pedido do meu pai. Tinham como recheio um molho de chocolate, feito a olho, completamente a olho, ou geleia de marmelo que a minha mãe fazia. Não devemos voltar ao lugar onde fomos felizes, diz-se por aí, e não sendo eu de me prender demasiado ao passado, sei que seria incapaz de reproduzir com fidelidade aqueles momentos pueris prenhes de carinho que caracterizavam os nossos momentos. O meu pai partiu. Jamais seriam os mesmos. 
É sabido que não se pode reproduzir o passado sob pena de não se viver o presente, mas hoje enquanto andava a dar voltas à cabeça para fazer um bolo que levasse natas, era o que tinha cá em casa, deparei-me com o bolo de chocolate à antiga da Nigella. Esta epifania só podia ser a continuação da conversa com a minha mãe e não procurei mais. Aqui o têm, com uma pequena alteração. Fiz uma cobertura à antiga com os ingredientes que tinha em casa e a olho. Não se deve reproduzir o passado exactamente porque o presente pode ser igualmente pleno. Vivamos apenas os tempos como se nos vão apresentando.

Bolo de chocolate à antiga

Ingredientes

Bolo
200 g de açúcar
200 g de farinha com fermento
50 g de cacau em pó
150 g de manteiga
200 g de natas espessas ou ácidas
1 colher de chá de fermento em pó
2 ovos grandes

Cobertura (medidas aproximadas)
1,5 dl de leite
1 colher de sopa de farinha
2 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sopa de cacau em pó
1 colher de sopa de chocolate em pó
1 gema de ovo

Confecção
Pré-aquecer o forno a 180º
Bater a manteiga à temperatura ambiente com o açúcar. Juntar os dois ovos e as natas. Envolver a farinha com o cacau e o fermento. Deitar na forma untada com margarina e levar ao forno 35 a 40 minutos. Retirar do forno, esperar uns dez minutos e desenformar. 
Para a cobertura, juntar e mexer todos os ingredientes. Levar ao lume e deixar engrossar mexendo sempre. Deixar arrefecer um pouco, mexendo de vez em quando e verter por cima do bolo. 


E agora com uma bola de gelado de baunilha não fossem as calorias já as suficientes.

12 comentários:

cozinha100segredos disse...

Adoro bolos de chocolate assim intensos e guloso! Beijinhos

Leonor disse...

Vem cá comer uma fatia :) Beijinhos

Comida de conforto disse...

Os bolos à antiga, como dizes, são os meus favoritos! E há sabores e cheiros que, por muito que nos esforcemos, é impossível reencontrar. Mas este bolo de chocolate está com um aspecto divino! Uma fatia é, de certeza, pouco... Ah... e eu dispensava o gelado :)
Beijinhos

Ilídia disse...

Eu acho que andamos todas (eu, pelo menos, estou) fartas de bolos perfeitos, com nomes "fancy" e só nos apetece regressar ao rústico e ao genuíno. Parece delicioso!
Hoje, depois de muito tempo sem o conseguir, tive um domingo assim: preguiçoso. Até vou trabalhar mais bem disposta amanhã :)

Um beijo,

Ilídia

Leonor disse...

Olá Ilídia,
Não sei se alguma vez aderi muito à comida muito fancy, cansa-me tudo o que é feito com esforço e sem ser genuíno. Há um tempo falei com um francês que me disse que depois de uma onda por lá de comida demasiado elaborada, estavam agora a regressar à simplicidade. A mim faz todo o sentido. Pode ser sempre com um 'twist' mas genuína, como dizes.
Beijinhos e boa semana

Leonor disse...


É verdade, o passado foi-se e nada é igual. Às vezes é que vivemos nessa ilusão, mas como digo no post, o melhor mesmo é aproveitar o presente. O bolo ficou bom, soube-nos divinamente :) A bola de gelado foi só para mim, mas sem ela está igualmente bom. Beijinhos, e obrigada pela visita.

Susana Machado disse...

que bela receita!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Leonor disse...

Obrigada, Susana :)
Beijinhos

basta cheio disse...

Olá Leonor,
Só essa cobertura dá cabo de mim :)
Não é bem o meu tipo de bolo, alto e fôfo, mas confesso que de vez em quando até sabe bem.
Ficou lindo!

Bjinhos

Leonor disse...

Olá :) Esta cobertura é tão fácil de fazer e ficou mesmo boa. Este não ficou muito alto como se vê e por dentro ficou húmido q.b.
Obrigada.

Beijinhos

Aprendiz a chef disse...

Ai que tentação... que aspeto divinal!!

http://deaprendizachef.blogspot.pt/

Leonor disse...

É mesmo :)
Beijinho